Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conhecendo a Mata Atlântica

Ao longo da costa leste
Deste Brasil de todos nós
Alinham-se montanhas
Morada da floresta...Mata Atlântica
Onde a vida acontece
E isso ninguém contesta.

Para explorar a imensidão
Vou percorre-la numa excursão
Vislumbrando a natureza
E toda a sua rara beleza

Das encostas aos altos picos
Cada trecho é um desafio
Que resolvi aceitar
Para a Mata Atlântica
Poder conhecer e explorar

A vegetação das montanhas
Por serem próximas do litoral
Sofrem influencia da umidade dos ventos
Proporcionando um cenário impar
De encantamento

Devido a alta umidade
Existe o fator responsabilidade
Pela exuberante beleza
Da realeza da mata

A natureza colabora
Mandando luz e calor do sol
Fazendo com que as plantas floresçam
Desenvolvam e ornamentem
A paisagem natural

A vida na floresta é real
Do alto das árvores
Doce lar das aves
Ao solo fértil
Ornamentado pelos tapetes de folhas
Vemos macacos,
Insetos, herbívoros e carnívoros
Fazendo parte da população
Vivendo em harmonia e união
Cada qual no seu espaço
Cada qual com sua missão

Os diversos sons da mata
Chamam de longe a atenção
Muitos deles vêm dos pássaros
Outros vêm da imensidão

Do imponente Rio de Janeiro
Aos sertões de Minas Gerais
As matas que outrora enfeitavam
Hoje quase não existem mais

O desmatamento acelerado
Foi ação da evolução
De norte a sul do país
Favorecendo assim
O aumento da população

Desde os primeiros tempos
Logo após o descobrimento
A exploração da Mata Atlântica
Não ficou só no pau – Brasil
 
Árvores como a peroba
O cedro, a canela e o jacarandá
Foram intensamente explorados
Sendo por isso hoje
Muito pouco encontrados
 
Quanto às plantas da bela mata
Percorrendo a região costeira
Desde as praias aos manguezais
Existem variedades enormes
De espécies vegetais

E pelo aspecto da vegetação
Podemos definir então
Se estamos na floresta
Nas encostas das serras
Ou até nos manguezais
 
Já terminando a excursão
Aqui fica uma importante informação
Para que você aprenda mais

Das Bromélias aos animais
Dos Ingás aos Jequitibás
A Mata Atlântica precisa ser
Mais amada
Respeitada
Pois é filha da Natureza
Que hoje chora a falta de amor
E respeito pela sua beleza.

Campinas/05/07/2005
17.00hs

www.augustaschimidt.prosaeverso.net
Augusta Schimidt
Enviado por Augusta Schimidt em 08/07/2005
Código do texto: T32326

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Augusta Schimidt
Campinas - São Paulo - Brasil, 66 anos
366 textos (532180 leituras)
4 e-livros (6968 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 08:13)
Augusta Schimidt

Site do Escritor