Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UMA PECINHA

UMA PECINHA


Olhando para o quarto de meu filho, vejo alguns brinquedos antigos, presentes pela passagem de certas ocasiões marcantes. Vejo outra lembranças. Tudo inteirinho, bem cuidado.
Outro dia pediu-me para separar numa caixa de sapatos que havia guardado. De tudo, um pouco havia. Quase nada funcionando. Parecia um pequeno depósito de coisas quebradas, velhas lembranças que já haviam sido úteis para o seu entretenimento.
Engraçado, uma peça chamou-me a atenção e foi a única que guardei. As outras eu disse para ele descartar. Não eram mais úteis. Não havia nelas algum significado. Uma lembrança de algum dia, de alguma coisa que já tivesse sido útil para ele.
Somente uma peça guardei. Não lhe entreguei. Esta aqui sob meu olhar. É uma parte de um pequeno carrinho: duas rodinhas e um miolo contendo um sistema pequeno de engrenagem. Acho que já foi um carrinho daqueles que friccionando no chão e largando-o ele corria. Coisinha simples pedacinho de brinquedo que abriu uma das muitas portas em meu coração!
Não sei por quê, mas vou guardá-la com muito carinho e amor!


Karuk
Enviado por Karuk em 28/08/2005
Código do texto: T45825
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Karuk
São João Del Rei - Minas Gerais - Brasil, 76 anos
300 textos (31532 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:19)
Karuk