Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
VAIDOSA

Pare de bater na porta,
Desista, não vou abrir!
A noite está congelante,
O dia foi estressante,
E eu não quero sair!

Mas se quiser uma chance...
Um conselho vou te dar!
Tem que ser carinhoso,
Paciente e atencioso,
E gostar de trabalhar!

O meu própio formigueiro,
Saiba que sou vaidosa!
Quero de areia e cimento,
E no dia do casamento,
A festa com muitas rosas...

Espere amanhecer,
E volte pra conversar,
Se foi tudo entendido,
Posso aceitar o teu pedido,
Se ainda quiser casar...



Carlos Mambucaba
Enviado por Carlos Mambucaba em 08/09/2007
Reeditado em 06/10/2010
Código do texto: T644024
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Carlos de Almeida). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Mambucaba
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil, 55 anos
485 textos (39762 leituras)
60 áudios (6898 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 16:07)
Carlos Mambucaba