Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A casa da minha Infância

A Casa da Minha Infância


A esquina chama-se oitão
O telhado não tinha beiral
O meio fio do calçadão
Não tinha cimento nem cal.

No alpendre os balaústres vernizantes
Sustentavam o telhado de verão
Nas estreitas veredas circundantes
Desfilavam anjos em procissão.

Nas brincadeiras de empurra, empurra
Arrastava-me rodopiando pelo chão
Mergulhava nos riachos de água pura
Limpos, livres de poluição.

Na cozinha exalando cheiro
Tacho de doces em profusão,
De caju, manga, goiaba e queijo
Crianças deliciavam-se sem contenção.

Na casa da minha infância circundavam
As galinhas no fim do terreiro,
O dia inteiro, alegres cacarejavam
Só à noitinha subiam ao poleiro.










Roseli
Enviado por Roseli em 01/12/2007
Código do texto: T761130
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Roseli
Fortaleza - Ceará - Brasil, 71 anos
116 textos (7067 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 20:54)
Roseli