Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Desodeie! 

Primeiro peço que você relaxe, livre-se de qualquer preconceito e leia.

A vida é uma maravilha. O céu azul, as flores, o mar com as ondas morrendo na praia, os pássaros em revoada, a luz do sol e as noites enluaradas. Há quanto tempo você não olha para cima? E virar cambalhotas, você sabe? Já subiu em uma árvore para colher mangas, jaboticabas, ameixas? Já pulou amarelinha? Quais são suas queixas?
Que cara é essa, cara? Hei, a vida é bela. O mundo é feito de tantas coisas boas. Triste é a doença incurável, horrível é o pronto socorro de um hospital? E uma UTI, então? Já entrou em alguma? Há quanto tempo você não vai a um velório? É...caixão, morto, sepultura, terra em cima...muito triste! Não, não é legal.

Pra que ficar filosofando, usando de subterfúgios, buscando chifre na cabeça de cavalo? Olha, se você não consegue aceitar as pessoas como elas são, pense que há gente que também acha que você devia mudar. Mudar a cor dos cabelos, o jeito de falar, os modos. Olhe bem para as pessoas que te cercam. Pergunte a elas, sinceramente, o que é que acham de você. Pode haver gente que o ache pedante, orgulhoso, feio, bobo. Vai ter gente que o considera cansativo, teórico ou filosófico demais.
E se alguém o vê como um grosso, antipático, metido, i n s u p o r t à v e l?
Claro que as pessoas que dependem de você de alguma forma, vão dizer que você é o máximo, fenomenal. E você vai acreditar nisso?
Acorda! Seja realista! O mundo é assim mesmo. Vivemos em uma sociedade capitalista, de trocas, de toma lá, dá cá. Pare um pouco de conversar sozinho com os outros. Medite! Você sabia que às vezes as pessoas sacam seus defeitos, saem de fininho sem dizer nada e desaparecem? Mas há quem faz diferente. Se percebe que você é vaidoso, enche mais a sua bola com falsos elogios, passa-lhe uma rasteira e ainda fica rindo da sua estupidez.
Você já ficou desempregado? Quem foi que lhe estendeu a mão? Teve alguém? Quantos? Você já se viu em apuros? Sem grana, sem perspectivas, abandonado, traído, d e s c o m p e n s a d o? Quem foi que ouviu suas lamentações e se solidarizou com você? Q u e m? Quantos foram? Você se lembra? Não, não é? Melhor esquecer isto.
Então, olha para os lados e vê se você não está fazendo merda. Seja duro, não com os outros, mas com você mesmo. Olhe-se no espelho. Pense: quem sou eu? O que eu realmente eu quero na vida? Quais são as minhas principais metas? O que eu estou oferecendo? E aí, sim pergunte-se: Qual é o retorno que eu estou tendo das pessoas que me cercam? Faça isto antes de sair por aí espalhando veneno por todos os lados, só porque você não consegue lidar com diferenças, com situações inéditas, com o medo que você tem de si mesmo. Cuidado com as neuras. Vá à luta. Saia dessa! Sorria!!! Experimente fazer uma boa corrida. Estimula a SERATONINA. É bom demais...
Mas se você não conseguir fazer nada disto, então procure ajuda. Faça umas dez sessões de terapia, pelo menos. Vale a pena!
O terapeuta tem métodos eficientes para ajudar você a descobrir se o que está fazendo com a sua vida e com a dos outros está mesmo lhe fazendo bem e ao mundo. Se ele for dos bons mesmo, vai levá-lo a uma trilha onde irá se conhecer melhor e ao contexto em que está inserido, para que você mesmo faça as correções de rumo. Não perca tempo. A vida é curta. No máximo você vai viver cem anos. Corra!
Desrancorize! Desodeie! Rancor e ódio provocam câncer, infarto, aneurisma, gastrite...enxaqueca! Aí você pode morrer mais cedo e o mundo continuará muito bem, obrigado.
Sandra Fayad Bsb
Enviado por Sandra Fayad Bsb em 04/07/2006
Reeditado em 04/07/2006
Código do texto: T187393
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sandra Fayad Bsb
Brasília - Distrito Federal - Brasil
628 textos (217630 leituras)
31 áudios (8759 audições)
5 e-livros (3479 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:13)
Sandra Fayad Bsb

Site do Escritor