Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eteceteraetal

                                                                                   Para Josi

No meio de tantas confusões
de sentimentos, de sentidos, de sensações,
olhando tudo em torno de mim...
Talvez o princípio e o fim.
Talvez um erro, um grande engano.
Um entre tantos sentimentos profanos.
Seus olhos sempre tão... reticentes
sempre me deixam na corda bamba,
no fio da navalha,
na frágil fronteira entre o ódio e o amor:
mistura de luzes e dor.

Me diga o motivo exato
e explique o que é ser sensato.
Qual é a sua intenção?

Me estenda a sua mão
e indique a direção.
Me diga: sim ou não?

Não veja tudo sob a lente
indiferente da razão.
Não se contente em pensar
sem precisar do coração.
Cara-a-cara a coisa muda,
você sabe muito bem.
Não engane a si mesma
nem me faça de refém.

No meio de tanta equação,
teorema, silogismo e solução,
sempre a sombra exata da dúvida.
Eterna interrogação(?).

No meio de tantas confusões,
de sentimentos, de sentidos, de sensações,
as impressões sempre são tão incertas...
“Viver é etecétera”.
Fábio Selva Stelzer
Enviado por Fábio Selva Stelzer em 31/03/2006
Reeditado em 16/12/2010
Código do texto: T131748

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o nome do autor .). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Selva Stelzer
Vitória - Espírito Santo - Brasil, 37 anos
28 textos (3457 leituras)
3 áudios (385 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:02)
Fábio Selva Stelzer