Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medo

Não quero ser mais um frustrado
guardado em um quarto
esperando a vida acontecer
Competindo com quem não ficou parado
não quero ficar no escuro nem no claro
quero meia luz, para andar cego e desvendado,
quero paixões e estradas para ter amores e empregos.
Tenho a glória de chorar
e assim vou crescer sem medo.

Não quero ser mais um romântico
sem desculpas para o café amargo
acreditando nas verdades do inimigo
trabalhando esperando o domingo.

Quero me viciar em liberdade
vou ficar são,
que seja então por minha vontade
pode até ser vaidade
esse gosto pelo acaso,
deixando um estrago sem ver
fazendo o tempo acabar mais rápido
deixando a duração ordinária da vida,
mais divertida.
Roberto Maty
Enviado por Roberto Maty em 02/05/2006
Reeditado em 18/01/2013
Código do texto: T149090
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (Roberto Maty) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Roberto Maty
São Paulo - São Paulo - Brasil, 30 anos
99 textos (3792 leituras)
1 e-livros (61 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:37)
Roberto Maty