Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desperdiçando meu amor

Talvez um dia eu consiguirei ser honesto
Até agora estou fazendo o melhor que posso
Estrelas compridas, dias compridos do nascer ao por do sol
Sonhando até quando eu puder
Desperdiçando amor
Até encontrar a felicidade
As vidas se esconde entre às marés do tempo
Fico passando os dias em imenso vazio
Esotu acompanhado pela solidão e a dor
Diserdiçando amor, em palavras e atos inutis
Caminhando pelas sombras noturnas
Continuarei sonhando até o fim
E um dia conseguirei encontrar a felicidade que tinha entre nós
Que ficou escondida na máres do tempo
E tudo que possuia ficou em sua mãos
Ao olhar em seus olhos vejo o desejo e a dor que rasga a noite na minha procura
vilson
Enviado por vilson em 15/05/2006
Código do texto: T156604
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
vilson
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
383 textos (69071 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:33)
vilson