Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Grito de seus temores

Não sei porque parecem de pedra
Só sei que me parecem rígidos demais
Se vê agora o rosto pálido da nova era
De concreto, de plástico e destes matérias
Mas o que eu vejo agora não são notas
Embora sempre excluídas da matriz de suas vidas
São oniscientes estes amores
Estão presente as mais bonita
Das pontas de suas dores
Incerta e mau polida pelos gritos de seus temores
Não seja assim, olhe sempre pros lados
Vamos lá você pode esbarrar em alguém
Ele pode estar afim de curtir, abraçar suas palavras também...
Você é tão rebelde com os outros
Você é tão rebelde consigo mesma
Você não tem medo de dar medo
Você quer ser o centro de tudo
Você quer me expor seu louvor
E quer cultivar seus preços
Quer acabar com tudo sozinha com seu caderno de endereços

Você não tem celular
E quer sua marca preferida
Talvez haja um lugar onde a água que seja o essencial pra vida...
Andrié Silva
Enviado por Andrié Silva em 22/05/2006
Reeditado em 22/05/2006
Código do texto: T160956

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Andrié Keller ( baadermeinhofblues@hotmail.com ) Brasil - http://www.recantodasletras.com.br/autores/andrie). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrié Silva
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
912 textos (98433 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:56)
Andrié Silva