Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EU FIZ POR ONDE.

Haveria de ter muitas músicas para explicar, o que eu sinto.
Haveria de muitas palavras para descrever o meu amor.
Muitas letras e cinemas para provar que eu errei.
Entendimento angelical para perdoar, o que magoei.

Haveria de ter muitas músicas para explicar, o que eu sinto.
Muitas palavras e sentidos para exprimir a minha dor...

Letras e palavras não irão trazer-te de volta,
Minha mágoa profunda.
É saber que o amor, estava em minhas mãos.
Você foi tudo pra mim, meu bem!
E mesmo assim, eu terminei, sem motivos.
Haveria de ter muitas letras, palavras, cinemas, teatros, músicas, rádio e televisão.

A tristeza e o egoísmo, retratadas para ti.
como retroceder...
Recuperar o meu amor de novo,
mas agora o mundo luta contra nós,
e a distância não me deixa retroceder.
A deus!

Augusto Borges
Enviado por Augusto Borges em 02/06/2006
Reeditado em 29/06/2016
Código do texto: T168100
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Augusto Borges
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 32 anos
74 textos (1050 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:12)
Augusto Borges