Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


SAMBINHA

Agora peço licença,  seu moço
Quero lhe contar um segredo 
Quando vejo tanta descrença
Ajoelho e cruzo os dedos

Meu coração canta e dança
No sol da manhã bem cedo
E com você meu amigo
Eu canto um samba enredo

Festejo a vida noite e dia sem medo
Sou faceira, sou danada, tenho zelo
Eu te digo agora :" sou uma cobra criada
E no meu esconderijo tenho muitas aliadas "



 

 

     
 
  
Raio de Lua
Enviado por Raio de Lua em 30/06/2006
Reeditado em 24/04/2013
Código do texto: T185259
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Raio de Lua
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
2394 textos (1394956 leituras)
15 e-livros (54381 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/05/17 23:47)
Raio de Lua

Site do Escritor