Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Março 2003

Ando meio acabrunhado
com essa guerra,
terror!

Não quero bombas no telhado,
nem morte,
nem dor.

Os senhores da guerra
podem tudo,
eles decidem quem vai viver.
Eles tem o poder das armas
e a lógica
do horror.

Eu tenho
medo
eu sei,
a intolerância
é a lei.
Mas não calo
e falo
pra vocês:
Março 2003!
Matam 2003!
Março 2003!
Matam 2003!

"O bom senso é o guia do meu livre arbítrio."


------ * -----

(Essa letra de música eu fiz em 2003, expressando sentimentos com relação a Guerra do Iraque. Hoje, ao passar por um texto do poeta Henricabílio, aqui do Recanto ( http://www.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=197709) lembrei dela e resolvi publicá-la neste julho de 2006, por achá-la atual e pertinente nesse momento em que o Oriente Médio está novamente ardendo em chamas, com famílias interiras voltando a ser vítimas das bombas "inteligentes".)
João Adolfo Guerreiro
Enviado por João Adolfo Guerreiro em 21/07/2006
Reeditado em 02/05/2007
Código do texto: T198523
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (você deve citar a autoria de João Adolfo Guerreiro). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Áudio
Março 2003 - João Adolfo Guerreiro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
João Adolfo Guerreiro
Charqueadas - Rio Grande do Sul - Brasil, 48 anos
641 textos (131942 leituras)
83 áudios (12913 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:23)
João Adolfo Guerreiro

Site do Escritor