Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu analista se matou

Já são quatro horas e faltam quatro horas para eu sumir
em que horas você vai passar por aqui?
a que horas você vai aparecer,
a que horas eu tenho que morrer.
você me quer aqui até quando?
Não vou ficar lhe esperando
quero ir, já são quatro horas
e eu quero dormir.

Hoje acordei bem cedo
e o meu dia foi muito cheio
estou cansado e só faltam quatro horas para eu sumir.

A que horas tenho que ir,
para você não brigar comigo?
Venha brincar
que já passou da hora de dormir.

Você sabe o que acontece quando a rua fica escura
e o entregador de jornal passa em frente de casa,
eu tenho medo!
Vê se me traz um analista
que faz tempo que não tenho o meu
vê se me traz um pouco de comida
que desde às quatro horas eu não lhe vejo.

Vamos embora
vamos acordar
que a hora esta sendo deles,
de brincar com a gente
vamos acordar e se soltar dessas cordas
vamos brincar com eles.

Já são quatro horas e você não chegou
sozinho não posso acordar
talvez sozinho acabe por me matar.
4:48 agora, adeus!
Roberto Maty
Enviado por Roberto Maty em 24/07/2006
Reeditado em 18/01/2013
Código do texto: T200927
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Roberto Maty) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Roberto Maty
São Paulo - São Paulo - Brasil, 30 anos
99 textos (3792 leituras)
1 e-livros (61 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:15)
Roberto Maty