Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Embriaguez

Trago no meu peito o que sempre ouvi
Mas, o que os outros falam de ti
Ainda não escutei
De outros corações trago experiência
O que não mais é do que essência
De tudo aquilo que já sei

Quem mente, muito fere
Tanto quanto à verdade se revele
Me fará sofrer mais uma vez
Que de minha vida guardo mágoas
Do mar? Somente as suas águas
De suor da tua tez

Que mente é agigantada?
Ante a cruz, ante a espada
Foge a minha lucidez...

Trago na fala o meu jeito
A perfeição dos teus defeitos
Me fazem querer mais de mim
Pois toda estória tem seu início
Tem um grande meio e um jardim
Donde morre só o corpo

Nasce a saudade
Morre a sede, a necessidade
Do sonho da tua nudez
Que mente boba se  agiganta
Toma o mar, torce a garganta
Eis a minha embriaguez
Andrié Silva
Enviado por Andrié Silva em 03/10/2006
Reeditado em 04/10/2006
Código do texto: T255207

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Andrié Keller ( baadermeinhofblues@hotmail.com ) Brasil - http://www.recantodasletras.com.br/autores/andrie). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrié Silva
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
912 textos (98442 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:57)
Andrié Silva