Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cruel destino

Eu não quero saber
de onde vem você,
dos seus tropeços e recomeços,
não precisa me falar.
   
Não me importo
com o que vem de fora,
pena perceber (isso) logo agora
que não a tenho mais.
   
Quando eu tive a chance
de provar do seu beijo,
de matar o desejo
que antes era só seu...
   
Eu recusei, desperdicei,
um amor singelo, sincero,
que hoje me consome
me levando o sono e a dúvida...
   
Cruel destino, inverteu
nos corações; quem nada queria
agora chora sem parar.
Quem sonhava com a paixão
 
está longe, nada pode mudar...
Cruel destino, trocou o amor
certo, pela saudade incerta
numa pálida canção.
   
Eu não quero saber
de ouvir de novo um não
da vida; quero o seu doce beijo
e ganhar o seu coração.
Hernany Tafuri
Enviado por Hernany Tafuri em 13/10/2006
Código do texto: T263245
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hernany Tafuri
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil, 34 anos
188 textos (11337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:31)
Hernany Tafuri