Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CIGANA 101

Cigana 101

Uma cigana me escreveu. No telefone.
Que na vida nunca é tarde, pra se achar.
Um amor sincero e tranqüilo.
Mesmo parando alguma coisa, em algum lugar.

E nos contos de fada, o sapo vira príncipe.
Na real, nem é bom pensar.
A gente deve, decidir nosso destino.
Mesmo parando alguma, em algum lugar.

Bela cigana será que no meu futuro.
Vai ter alguém pra mim, cantar.
Tudo aquilo que eu mantinha escondido.
E nem lembrava que ainda estava por lá.


J. Alves.
JAlves
Enviado por JAlves em 30/11/2006
Reeditado em 02/12/2006
Código do texto: T305971

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (J. Alves http://www.recantodasletras.com.br/autores/jalves). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JAlves
São Paulo - São Paulo - Brasil
102 textos (11523 leituras)
16 áudios (2198 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:40)
JAlves