Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cadê você?

Já não sabem mais do seu paradeiro
O morro já não escuta mais o seu padeiro
Sua esposa chorava assistindo à novela
Enquanto seus filhos te esperavam na janela
O velho samba já não é mais ouvido
A melodia foi trocada pelo gemido
Cadê você...onde está você?
Pois nós estamos aqui!
Saiu de casa ele perdeu a calma
Distante da família da sua própria alma
Olhou para trás procurando o cristo de braços aberto
Foi ai que notou que não estava por perto
Miséria, logo alucinação
Caminhando sem rumo e direção
Cadê vocês...onde estão vocês?
Pois eu estou aqui!
Alguém bateu na porta e não chamava pelo nome
Seja bem vinda à família senhora fome
O filho mais velho que era um menino hoje já não mais
Neste momento à infância ficou pra trás
Enquanto todos procuram a resposta uma explicação
Olha só o menino com a arma na mão
O menino chegou aqui...eu estou aqui!
Não vou mais esperar por ninguém
Seja o que Deus quiser e eu digo amém!
Leandro Ubine
Enviado por Leandro Ubine em 16/10/2007
Reeditado em 17/10/2007
Código do texto: T696831

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leandro Ubine
Ribeirão Preto - São Paulo - Brasil, 35 anos
29 textos (2640 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 20:26)
Leandro Ubine