Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ela mudou

Ela mudou e junto com a mudança
Levou o meu amor e embora à esperança
O que sobrou não posso ficar
Entretanto ela insista que isso não vá mudar

Ela mudou e toda mudança é brusca
Mudou meu amor numa escolha absurda
O que sobrou eu não posso amar
Embora ela insista que jamais vai mudar

Oh querida, eu sei de quem é a culpa
E me arrependo por tal
Mas admita que a escolha foi sua
E eu não sou real

Ela mudou e junto com a mudança
Levou embora qualquer sinal de esperança
O que sobrou não dá para acreditar
Embora ela insista que sou difícil de mudar

Ela mudou e toda mudança é complicada
Mudou meu amor na escolha mais angustiada
O que sobrou é sem arrependimento
Embora ela insista que é meu seus sentimentos

Oh querida, eu sei de quem é a culpa
E me arrependo por tal
Mas admita que a escolha foi sua
E eu não sou real

Entenda que o que me cega
Nessa visão do que amei
Não era quem você era
È o que eu te mudei
E entenda o que me dói
Nessa minha dor real
É fingir ser um herói
Sendo seu vilão virtual
Entenda que o que me afeta
Não é amar o que foi embora
É saber quem você era
E o que virou agora


Maycon Batestin
Enviado por Maycon Batestin em 29/11/2007
Código do texto: T758074
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Maycon Batestin
São Paulo - São Paulo - Brasil, 32 anos
2642 textos (107635 leituras)
3 e-livros (207 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 23:09)
Maycon Batestin