Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CILADA

 
ME DIGA SE É VERDADE O QUE VOCE FALOU PRA MIM,
NA CAMA, A GENTE AS VEZES FALA AS COISAS POR FALAR,
SE EXISTE SENTIMENTO, PODE VIR, ESTOU AQUI,
POIS TENHO UM GRANDE AMOR E UM CORAÇÃO PARA TE DAR,
POIS DE PALAVRES VIVO, DESDE QUE VOCE SE FOI,
LEMBRANÇAS DE UM PASSADO, AMARGO E LINDO DE NÓS DOIS,
ACREDITAR NUM SONHO, QUE EM REAL NÃO SEJA BEM ASSIM,
É RUIM,
DELIBERADAMENTE, SOLTO A VÓZ, QUE VENHA ME ESCUTAR,
ME PRENDO NAS CILADAS, PREPARADAS PELA VIDA A TE ENCONTRAR,
E AGORA QUE ENCONTREI, ME DIZ AO CERTO SE É VERDADE
O QUE FALOU PRA MIM.

SAIBA QUE O TEMPO TODO, EU SOFRI, MAS TE AMEI,
COM LÁGRIMAS NOS OLHOS, MEU SORRISO EU TE DEI,
E ACREDITEI NA TAL FELICIDADE, TE ENCONTRAR, ME ENGANEI,
ME DIGA SE É VERDADE O QUE VOCE FALOU PRA MIM,
POIS SE NÃO FOR AMOR, EU VOU SABER COMPREENDER,
NÃO É DE AGORA QUE EU APRENDI A TE AMAR, MAS TE PERDER.

POETASP
Enviado por POETASP em 02/12/2007
Código do texto: T761489

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
POETASP
São Paulo - São Paulo - Brasil, 51 anos
354 textos (17651 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 13:52)
POETASP