Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

APRENDER A DEIXAR SAUDADE

Creio que temos que aprender a deixar saudades nas outras pessoas.  Um jovem um dia me disse: eu não guardo saudades de ninguém deste ano. Ele tinha vivido num grupo de jovens, quase todos da mesma idade. Para ele, aquele ano foi apenas mais um ano que passou.
Quando ainda jovens, recém saídos da adolescência, é um tanto normal pensarmos mais em nós do que nos outros. Buscamos quase sempre satisfazer nosso EGO.  É a nossa natureza de ser humano.
Já tive a graça de conviver com diversos grupos de pessoas em diversos lugares. Porém, guardo saudades de pouquíssimas pessoas. Também não sei se consegui deixar saudades nas outras pessoas que conviveram comigo. Hoje busco ser diferente.
A partir da expressão daquele jovem passei a pensar mais e mais na minha convivência com as pessoas. Penso que precisamos saber deixar saudades nos outros por onde passamos. Se deixamos saudades é sinal que as pessoas nos guardam em seus corações, maior e mais precioso cofre do mundo. Deixar saudades nas pessoas é sinal que significamos algo para estas pessoas. A mãe sente saudades do filho quando este sai de casa, porque ama ele. Se nós não deixamos saudades nas pessoas é porque fomos insignificantes e apenas estávamos lá como numero e não como ser, como pessoa.
Acredito que as pessoas seriam bem mais próximas uma das outras se conseguíssemos deixar saudades, boas lembranças. É triste quando uma pessoa tem que se retirar de algum lugar porque os outros pedem para ela sair. Isto são marcas de que essa pessoa é muito egoísta, pensa somente em si e não nos outros.
Precisamos aprender a sermos pessoas humildes e servidoras e não fazermos dos outros nossos servidores. Precisamos aprender a conquistar o coração das pessoas, pois lá nossos nomes ficam eternizados. A saudade simboliza que não somos um peso para as pessoas, mas uma lembrança agradável de ser lembrada. Ninguém gosta de lembrar as coisas ruins que acontecem na vida. Gostamos de lembrar coisas boas, que alegram o coração da gente, que nos fazem reviver com gozo aqueles momentos. Quem semeia espinhos colherá espinhos, quem semeia flores colherá jardins coloridos e perfumados.
Como é bonito perceber quando uma pessoa deixa saudade por onde passou. As pessoas daquele lugar lembram do fulano ou da fulana com muita alegria. Comentam entre si e para quem passa por lá o quanto essa pessoa fez de bem para ela e para todos.
Temos que aprender a sermos humildes e simples, buscando fazer tudo pelo bem comum e não apenas pensando em nós. Quem só pensa em si, só olha para baixo, não consegue avistar nenhum horizonte. Quem pensa nas pessoas, olha para frente não tropeça porque vê mais longe e caminha confiante apoiado por todos.
Precisamos aprender a deixar saudades!

Hermes José Novakoski
Farroupilha, fevereiro de 2006
Hermes José Novakoski
Enviado por Hermes José Novakoski em 05/02/2006
Código do texto: T108262
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hermes José Novakoski
Marituba - Pará - Brasil, 35 anos
477 textos (375258 leituras)
1 áudios (83 audições)
2 e-livros (440 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:07)
Hermes José Novakoski