Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



"Poetas, Nunca Mais!" (será?)

Querido diário é noite de sábado,

o calor que já estava forte ficou insuportável!

Estive navegando "pelos mares nada tranqüilos" de certa

escrivaninha... "Menino! Por pouco não me afogo!"

Achei tudo lindo, lindo, lindo!

(para as outras, as sensatas, não para mim!)

Deus me livre, acho que estou com trauma de poetas!

São sedutores demais! Um perigo constante!

Por um segundo ou dois imaginei-me musa oficial desse

inspiradíssimo poeta! Digamos que ele "Provando não ter o

Menor Apego a Vida e a Sua Paz de Espírito", fizesse um

um duplix DAQUELES! As conseqüências poderiam ser trágicas!

Fim da doce paz do Recanto! "Barraco" on line, na certa!!!

Mas, eu não disse em *Poetas, que não se deve impedi-los de

sonhar? Sim! Mas falava do poeta alheio, não do meu!!!

Nunca diga Nunca? Pode ser! Sei que corro o risco.

Enquanto puder, e algum juízo me restar, tentarei dizer:

"Poetas, Nunca mais!"




*E-mail desabafo (mas mentiroso, kkk) 

recebido da minha amiga Menin@


** Não creio numa única palavra!  kkkkkkk



barrinhas17.png

Carinhosa
Enviado por Carinhosa em 06/02/2006
Reeditado em 17/05/2013
Código do texto: T108647
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carinhosa
Curitiba - Paraná - Brasil
657 textos (164706 leituras)
3 e-livros (397 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:58)
Carinhosa