Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INVERNO

O inverno é a estação mais fria do ano e começou muito quente, estourou a CPI do Correios e em decorrência disso está desencadeando inúmeras denúncias contra políticos de todos os poderes. Nós, povo, não sabemos em quem ou em que acreditar, tamanho o volume de acusações de todas as partes, envolvendo ilustres personagens da política.
Estamos próximos de outro pleito eleitoral e toda essa lama que a mídia está divulgando vai certamente conturbar o cenário político do país. Claro que deve ser apresentado para os eleitores o que nossos representantes realmente fazem ou deixam de fazer, aliás os órgãos de comunicação têm obrigação de nos manter informados, só dessa forma podemos avaliar quem realmente merece nosso voto, se é que vai sobrar alguém.
Amo o meu Brasil, sou brasileiro com muito orgulho. Também amo o nosso estado de São Paulo e principalmente nossa cidade. O que chateia e nos entristece é ver governo entrando e saindo e nada de concreto melhorando para quem realmente precisa. O déficit habitacional que nunca zera, a saúde que não se resolve, as pessoas adoecem e não recebem um tratamento digno, a segurança que também é impotente para enfrentar a violência, a educação que não ensina o básico, prejudicando ainda mais o futuro dessa nação, a escassez do trabalho que nos últimos anos provoca uma taxa significativa de cidadãos desempregados, o salário que não permite o essencial para uma família, entre tantos outros assuntos de relevante importância.
Nossos políticos não nos ouvem, é sabido por todos, muitas entidades de credibilidade fazem pesquisas de opinião pública para apurar as principais necessidades, o grito que está engasgado é o seguinte: “FAÇA O QUE VOCÊ PROMETEU”, na sua campanha política você discursava tudo que esperávamos para solucionar nossos principais problemas, acreditamos em você, demos o nosso voto de confiança e infelizmente nada, absolutamente nada acontece, tudo fica cada vez pior, o que será preciso acontecer para que sejamos atendidos.
Na escola aprendemos que os três poderes no Brasil são autônomos e cada um vigia e fiscaliza  o outro, o Legislativo deveria se preocupar simplesmente em criar, renovar e aperfeiçoar as leis, o Executivo deveria realizar o papel público, atendendo as necessidades da população e o Judiciário julgar e exigir o cumprimento das obrigações de cada um, inclusive a do povo. Se na prática fosse tão simples assim viveríamos um Brasil sem igual, com deveres e direitos bem claros e respeitados.
O grito do Ipiranga, “INDEPENDÊNCIA OU MORTE” foi muito forte e até hoje sinceramente, morremos dependentes do emprego, da saúde, da moradia, da segurança, da educação, de tudo que não temos. Não merecemos isso, pagamos nossos impostos e deveríamos por direito ter uma condição melhor, mais digna, um tratamento como ser humano que somos.

vladis.fernan@globo.com

Vladis
Enviado por Vladis em 10/02/2006
Código do texto: T110360
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vladis
Matão - São Paulo - Brasil, 57 anos
143 textos (61804 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 08:59)
Vladis