Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

quero partilhar...

«
Contigo também quero partilhar palavras que me saíram do peito para outra amiga, gosto do dizer "amigos do peito":
Chego... e leio! Fiquei feliz, é como tu dizes es_cre_vendo... é muito fácil gostar de quem não procura ser complicado, embora até possa ser... Essa é outra verdade ab_soluta: não há nada mais complicado que ser simples! Outra verdade não menos verdadeira, sentimos a verdade nos outros através da nossa, a verdadeira amizade/amor resulta dessa coisa tão simples... aquele/aquela, aqueles e aquelas, quem permite libertar a nossa sincera_idade! Quem nos põe bem connosco próprios só pode ser nosso amigo!! Te gosto!!!
Sinto que as podia escrever também para ti e... isso é Felicidade!
»

{Texto publicado «entre-aspas» na Paz do dizer como escrito(s) e o escrever como "escritos", com aquela definição que tanto gosto nesta palavra, escritos: «(no plural) pedaços de papel branco colocados em portas ou janelas, para indicar que uma casa está para arrendar.»}
Francisco Coimbra
Enviado por Francisco Coimbra em 17/02/2006
Código do texto: T113045
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco Coimbra
Portugal
785 textos (310491 leituras)
37 áudios (39565 audições)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:27)
Francisco Coimbra