Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PROCURA POR LIBERDADE.

NÃO QUERO LUTA, NEM QUERO OPREÇÃO
NÃO QUERO MORTOS, E NEM FERIDOS
MAS QUERO DIGNIDADE E PAZ
NÃO ABRO MÃO DE CONCEITOS,
ISSO ME FAZ TER PRECONCEITO...
MUITOS METODOS,MUITOS CONSELHOS,
MAS NADA SE ENCAIXA.
-DEIXE BROTAR, DEIXE CRESCER,DEIXE VIVER.
-VAMOS CORRER SEM SABER PRA ONDE IR,
-VAMOS BRINCAR, VAMOS SORRIR
NÃO HÁ GLORIA NA VITORIA SE O INIMIGO JÁ ESTA AO CHÃO
ABRIR ALGEMAS DE PRISIONEIRO NÃO É LIBERDADE!!!
QUEM PASSOU TANTO TEMPO CONFINADO PRECISA DE SE ADPITAR
ATÉ MESMO COM A FALTA DAS GRADES...NOVOS METODOS, NOVOS
CONSEITOS,CONVIVER COM O PASSADO...
PRISIONEIROS DE SEU PROPRIO MUNDO ,DE SEU PROPRIO RUMO,
DE MÃOS ESTENDIDAS, IMPLORANDO JUSTIÇA, E PAZ...
NINQUEM QUER ENTEDER, MAS TODO MUNDO TEM EXPLICAÇÃO!!!
MÃOS LIVRES, SEM PODER DIZER ADEUS
MÃOS TAO PRISIONEIRA, SEM  ALGEMAS
MAIS TANTO A DIZER...
E NINGUÉM PARA ESCUTAR!!!
mara
Enviado por mara em 06/04/2006
Reeditado em 06/04/2006
Código do texto: T134709
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
mara
Cachoeiro de Itapemirim - Espírito Santo - Brasil, 47 anos
442 textos (17299 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:50)
mara