Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Imperfeita"

Tão segura e tão frágil.
Tão imperfeita.

Não sou mais a menina rodeada de amigos.
E atualmente nem recebo muitas ligações no meu aniversário.
Não sou mais lembrada.
Nem convidada para todas as festas.
Também não estou inclusa nas conversas.
E eu não ligo mais para nada disso.

Me sinto tão segura e ao mesmo tempo tão frágil.
Tão imperfeita.

Não sou mais a menina que todo mundo procura.
Nem mais a menina doce e pura.
Não sou a menina tão sonhadora.
Posso afirmar que sou quase invisível.
Ainda que eu não seja.

Me sinto tão insegura.
Vejo que não stou segura.
Sou frágil.
Tão imperfeita.

E eu não ligo para isso.
Só quero voltar a ter amigos de verdade.
Não, eu não quero ser rodeada de falsos amigos.
Não quero quantidade.

Na minha frente ironia.
Nas minhas costas pedraria.
E o que eu não aguento mais
É essa tal de hipocrisia.

Não sou mais aquela menina.
Mas ainda estou aqui.
E me sinto tão frágil.
Tão imperfeita.
Lilian Roque de Oliveira
Enviado por Lilian Roque de Oliveira em 08/05/2006
Reeditado em 19/05/2006
Código do texto: T152804
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lilian Roque de Oliveira
São Paulo - São Paulo - Brasil, 32 anos
170 textos (24260 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:47)
Lilian Roque de Oliveira