Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E se a vitrine fosse eu?...


E se a vitrine fosse eu?
Será que perceberia os olhares curiosos e ansiosos que me contemplam?

Será que realmente desejaria ser admirado por quem passa na rua e, de repente pára à minha frente, atraído por algum ítem exposto alí?

Será que retribuiria à toda essa atenção com, ao menos, um sorriso?

Se a vitrine fosse eu...
Entenderia o que passa na cabeça de quem só pode apenas me olhar, mas, não pode pagar o que realmente valho?

Será que aceitaria também os comentários negativos sobre mim?

E, finalmente, quando fosse o tempo de me renovar, me transformar, aceitaria a mudança?

Não sei, as vitrines não falam, não sentem, não amam, não vivem... apenas são admiradas.

Deus não nos fez vitrines.



MILTON DUARTE
Enviado por MILTON DUARTE em 26/09/2006
Código do texto: T250184

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o nome do autor e o link para o site). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MILTON DUARTE
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 49 anos
170 textos (564853 leituras)
44 áudios (203821 audições)
1 e-livros (80 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:41)
MILTON DUARTE