Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Durante muitas horas dos nossos dias passamos a pensar trabalho, problemas,
que aquela ou outra pessoa está sempre a irritar-nos a chatear-nos,
conclusão: consequência natural da vida stressada que levamos diariamente,
portanto ao levantar de manhã, ou qualquer que seja a hora, olhe no espelho e
diga frente a tua imagem, o quão és especial para si, para Deus e para o
mundo a tua volta...
Por vezes perguntamo-nos se somos realmente substituível? 
Devido ao facto de nos estarem sempre a lembrar despe pormenor....,
mas não seria este o questionamento devido, e sim, todas as tarefas que realizamos podem ser realizadas por outros, mas no que diz respeito a  nós seres ... somos
insubstituíveis, simplesmente por sermos únicos, e pessoas dotadas de
emoções e sentimentos, e isto somente vamos reconhecer partindo de dentro
para fora, tipo intrínseco, portanto nossas tarefas são substituíveis, mas
nós não... 
Existe um sentimento que nunca devemos perder, que é o AMOR por
nós e pelos outros, mesmo que as semelhanças, gostos e
direccionamentos/objectivos/metas sejam distintos, e depois vem a Fé que tem o
grande poder de abrir nossa consciência, traz a devida sabedoria, ilumina a
alma, pois todos desejamos ser felizes, conquistar paz, ter prosperidade e para
obter isso e mais devemos aprender que existe com luz cósmica que rege o
Universo, e deixar de lado as expectativas ilusórias, pois sabemos que vindo
do reverso não podemos esperar a correspondência pretendida, pois esta é
traçada por nós e pode não estar nos planos do outro ao qual criamos tal
expectativa/conceitos, daí o facto das sequentes decepcções, em súmula este
outro pode não ter condições para ser de facto como esperamos, e as CHAVES
para promover o sorriso que contagia o todo a volta é compreender, aceitar,
respeitar, motivar, proceder à um simples BOM DIA !, COMO VAI?, OU
SMILE...HEHHEHEHEHE

Um estupendo dia , regado com milhares de sorrisos simpáticos
(olha podem ser que alguns não sejam verdadeiros, mas nem se importe, sorria,
viva... )

Carolzita
Enviado por Carolzita em 02/10/2006
Reeditado em 02/10/2006
Código do texto: T254362

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Caroline Silva). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carolzita
Portugal, 42 anos
453 textos (61654 leituras)
5 e-livros (749 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:04)
Carolzita