Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUANDO HOUVE SILENCIO NO CÈU

HORA DIFÍCIL, HORA DA DECISÃO, QUEM SE CANDIDATA A SALVAR ESTA NAÇÃO?
NA PROSA ENTRE DEUS E OS SEUS SERES CRIADOS ESPERAVA UMA SOLUÇÃO ENTRE OS ANJOS TÃO AMADOS.

NA PERGUNTA QUE SURGIO, FATO ESTRANHO ACONTECEU, UM GRANDE SILENCIO NO CÉU QUANDO FALOU O GRANDE DEUS:
QUEM IRÁ SALVAR O HOMEM DO VIL TENTADOR, QUEM IRÁ MORRER NA CRUZ COMO UM PECADOR?

MAIS QUE NADA ALI SE FEZ, MENOS QUE TUDO O SILENCIO SE DESFEZ.

NO MOMENTO EM QUE NADA SE OUVIA, SOA UMA VOZ ENTRE A GRANDE CALMARIA:
VOU EU CEDER A MINHA VIDA, MORRER EM UMA CRUZ, VOU EU DESCER NA TERRA, O MEU NOME É JESUS.

DANDO TÃO SOMENTE O FILHO MUI QUERIDO, POR DENTRO DO GRANDE DEUS PARECIA OUVIR GEMIDO. GEMIDO DE UM PAI QUE NÃO PODIA RETROCEDER AO DAR A VIDA DO SEU FILHO EM UMA CRUZ PARA MORRER.

GRATOS TODOS PECADORES, POR HAVER UMA SAIDA E O FIM DE NOSSAS DORES, POIS JESUS DEU SUA VIDA.

PAZ ETERNA HÁ NA CRUZ, POR UM FILHO QUE MORREU E O SEU NOME É JESUS.
Gideão Jordão
Enviado por Gideão Jordão em 29/10/2006
Código do texto: T276751
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gideão Jordão
Ipojuca - Pernambuco - Brasil, 33 anos
104 textos (6345 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:28)
Gideão Jordão