Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OPHIUCHUS - O signo de Bruxa Onilda da Gália

Meu signo é:
Ophiuchus, uma das 88 constelações, e foi um das 48 relacionadas por Ptolomeu. É uma grande constelação localizada no hemisfério sul, próximo à Via Láctea, entre Scorpius a Oeste e Sagittarius a Leste. Uma das 13 constelações do zodíaco (constelações das quais o Sol faz parte durante o ano), Ophiuchus é a única que não consta como signo astrológico convencional — veja abaixo para mais informação.
Ophiuchus é retratado como um homem segurando uma serpente; a interposição do seu corpo divide a serpente em duas partes, Serpens Caput e Serpens Cauda, que são contadas como uma constelação apenas.
Fatos notáveis
As estrelas mais brilhantes em Ophiuchus incluem Alpha Ophiuchus, chamada de Rasalhague, na cabeça da figura, e Lambda Ophiuchus, uma estrela tripla, em seu cotovelo. RS Ophiuchi é parte de uma classe chamada  novae, cuja claridade aumenta em intervalos irregulares cem vezes num período de apenas alguns dias. Dizem estar se tornando uma supernova tipo 1a.

Estrela Barnard, uma das estrelas próximas ao Sistema Solar (as únicas mais próximas que a Barnard são o sistema binário Alpha Centauri e Proxima Centauri), está em Ophiuchus. (Está localizada à esquerda de Beta e bem acima de V no mapa astronômico).

Notáveis  objetos do “deep-sky”
Ophiuchus contém vários agrupamentos estelares, como IC 4665, NGC 6633, M9, M10, M12, M14, M19, M62, e M107, assim como a Nebula IC 4603-4604. A inusitada mescla de galáxia remanescente NGC 6240 também está em Ophiuchus.
Mitologia
Há várias possibilidades mitológicas para o que esta constelação representa.
A interpretação mais recente é que a figura representa o fisicista Asclepius, que aprendeu os segredos da vida e da morte de uma serpente trazendo outras ervas que a curaram, após Asclepius matá-la. Para evitar que a raça humana , sob os cuidados de Asclepius ,se tornasse imortal , Zeus  matou-o com um raio,mas o pôs no Paraíso para honrar suas boas ações. O envolvimento no mito de Chiron pode estar conectado à presença próxima da constelação de Sagitarius, que posteriormente foi considerado representar Chiron (que era usualmente identificado como a constelação de Centaurus).
Outra possibilidade, é que a figura represente a queda do padre troiano Laocoön, durante a Guerra Troiana, que foi estragulando por uma cobra ou uma serpente marinha depois de avisar os troianos para não receberem o Cavalo de Tróia.
Uma estátua sugestiva no Museu do Vaticano representa a tragédia.
Uma terceira possibilidade é Apollo lutando contra a Python para tomar o controle do Oráculo de Delphi.
Há também a história de Phorbas, um Tessalonicano que resgatou a população da ilha de Rhodes de uma praga de serpentes e recebeu um lugar no céu para honrar seu feito.
Uma explicação intrigante é que Ophiuchus é um heterônimo de Cernunnos, o deus-seprente Celta que também é a imagem base para o demônio.
Fonte:wikipedia.org/
Bruxa Onilda da Gália
Enviado por Bruxa Onilda da Gália em 05/11/2006
Código do texto: T282901

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o autor, o link para o site http://bruxa-onilda-da-galia.blogspot.com e a data de publicação original do texto). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Bruxa Onilda da Gália
Irlanda, 110 anos
31 textos (37359 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:31)
Bruxa Onilda da Gália