Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Fábula da verdade...

"Um dia, a Verdade andava
visitando os homens sem roupas
e sem adornos,
tão nua como o seu nome.

E todos que a viam viravam-lhe
as costas de vergonha ou de
medo e ninguém lhe dava as boas- vindas.

Assim, a Verdade percorria os confins da Terra,
rejeitada e desprezada.

Uma tarde, muito desconsolada e triste, encontrou
a Parábola, que passeava alegremente,
num traje belo e muito colorido.

- Verdade, por que estás tão abatida?
- perguntou a Parábola.

- Porque devo ser muito feia já
que os homens me evitam tanto!

- Que disparate! - riu a Parábola
- não é por isso que os homens
te evitam.

Toma, veste algumas das minhas
roupas e vê o que acontece.

Então a Verdade pôs algumas
das lindas vestes da Parábola
e, de repente, por toda a
parte onde passava era
bem-vinda.

- pois os homens não gostam de
encarar a Verdade nua; eles
a preferem disfarçada."

AD - Recebi e resolvi partilhar o quanto por vezes mais vale uma verdade doida que uma mentira camuflada...
Carolzita
Enviado por Carolzita em 12/11/2006
Reeditado em 12/11/2006
Código do texto: T289561

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Caroline Silva). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carolzita
Portugal, 42 anos
453 textos (61655 leituras)
5 e-livros (749 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:14)
Carolzita