Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vou, mas volto

Será uma viagem quente, confio.
Irei, incontinente, beijar ondas
Falar “ô xenti”, olhar o mar ondular
Mergulhos rasos de tornozelos
Areias brancas e mar
Levarei bagagens preciosas:
fotos dos filhos (ai que saudades...)
endereços de alguns parentes
e um endereço muito especial.
Irei dividir alegrias
através de telefones, e-mails, postais.
Não posso deixar sem notícias
pessoas que amo demais
Trarei as encomendas:
uma fatia da Lua
uma brisa, um soneto
Quero absorver momentos
para poder compartilhar.
Não estarei de todo ausente,
porque para poder respirar
preciso muito mais do que ar.
Preciso do carinho dos filhos,
de uma amizade sincera e
de um parque inteiro...
Um parque continental!
Volto breve.
Assim que o carnaval acabar.
Chego antes das águas de março
E meu único desejo
é que Deus abençoe a mim e
aos que ficaram.
Sentirei saudades...
Dora Leal
Enviado por Dora Leal em 30/11/2006
Código do texto: T305392

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Dôra Leal). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dora Leal
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
501 textos (25393 leituras)
1 e-livros (38 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:13)
Dora Leal