Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Não despeça de você!  

Todos nós um dia, em determinados momentos, queremos abandonar tudo e todos. São momentos que deixamos de acreditar na vida e em nós mesmos. 

No entanto, quando permitimos que  esses momentos passem, mesmo não conhecendo os mistérios da vida, podemos acreditar  em nós.
Aí então a vida passa ser o motivo de viver.
Nela estabelecemos vínculos com pessoas, com nossos compromissos e com uma força maior.
Essa força é o maior motivo do porquê ficamos vivos.
Algo dentro de nós agita o bom senso.
Uma voz fala de esperança, de coisas boas, sem fazer promessas.
A nós cabe seguir a rota que traçamos com as escolhas que fizemos.
Podemos seguir nossos passos, ouvindo aquela voz que está no coração
ou podemos parar de caminhar.
Quando escutamos essa voz que cala fundo, na profundeza do nosso ser,
encontramos o que temos de melhor em nós.
Só aí estabelecemos contato com o nosso "ser".
Quando isso acontece uma força estranha e muito boa nos impulsiona para os nossos sonhos. Sonhos, que na verdade é a própria realidade, pois são eles que dirão para nós o que deve ser feito.
Conforme decidimos, definimos a qualidade de nossas vidas.
Se junto disso acrescentamos, fé, esperança, alcançaremos os objetivos.
Com determinação de quem sabe o que quer, caminhamos com passos certeiros na estrada da vida.
Temos que perceber que tudo está onde deve estar, que estamos no lugar certo, com as pessoas certas, que tudo está perfeito a nossa volta.
O que está ruim, são consequências dos nossos erros,
enganos, que devem servir de lições para nós.
Nunca fazer deles motivos para auto-punição é a arte de aprender com eles.
Devemos apurar a nossa sensibilidade e compreender que nossos defeitos podem ser nossas maiores qualidades e até quem sabe,
nossas melhores  virtudes.
Usá-los como referências  de nós mesmos é bom começo.
Reconhecer, aceitar que temos, transformá-los, faz bem para a alma,  nosso coração se embeleza e passamos a nos amar.
Não temamos o passado, façamos dele história de vida, façamos dele as cicatrizes que marcaram nossas vidas e nos transformaram no "ser" que somos hoje.
Por isso jamais despeça de você mesma, não ande na contra-mão da vida.                                                    
Caminhe com ela,
junto dela,
ao lado dela,
dentro dela,
sempre com ela
e seja muito feliz...
 
Sandra Lúcia Ceccon Perazzo
(Sperazzo/2003)

   
Sperazzo
Enviado por Sperazzo em 26/08/2005
Reeditado em 15/12/2009
Código do texto: T45234
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sperazzo
São Paulo - São Paulo - Brasil
303 textos (25337 leituras)
33 áudios (1125 audições)
1 e-livros (88 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 00:55)
Sperazzo

Site do Escritor