Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
O Palhaço da minha Infância

Palmas ..gargalhadas..sussuros..gritaria
piruetas,cambalhotas,businadas e toma meninada.
Circo repleto..luzes ,bandinha,música .
Alegria..alegria..alegria gritava o palhaço.
Irradiava tanta magia que meus olhos nem ofuscavam
pelos belos animais e carruagens que passavam.

Seu semblante inesquecível transbordava bondade incontida
Que mais tarde já ,vi que aquilo era uma grande lição
da vida.

Por trás daquela máscara marota ..
Quantas vezes há tristeza e dor ..
Mas o povo ri..ri..e diz em voz alta
Viva o palhaço que é..ladrão de muié..

É....O palco da vida ,a semelhança é infinita.

Aqui um sorriso,ali uma esperança,acolá sonhos..
Quem quando criança não riu com o coração chorando..
Milhares de dissabores enfrentando?

O pequeno circo daquela minha cidadezinha ..foi-se embora
Em breve outras lonas surradas se estenderão lá fora ...
E o palhaço mascarado de novo na ribalta ri.. ri.. e as vezes
nem sente
No parecido circo  da gente


Rubens
Rubens Oliveira
Enviado por Rubens Oliveira em 28/08/2007
Reeditado em 17/11/2007
Código do texto: T628053

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.rubensjoseoliveira.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rubens Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
195 textos (19124 leituras)
17 áudios (2665 audições)
21 e-livros (1394 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 23:04)
Rubens Oliveira