Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A águia empurrou gentilmente seus filhotes para a beirada do ninho.
Pensou ela: "Por que a emoção de voar tem que começar com o medo de cair?"
O ninho estava colocado bem no alto de um pico rochoso.
Abaixo, somente o abismo e o ar para sustentar as asas dos filhotes.
"E se justamente agora isto não funcionar ?" Ela pensou.
Sua missão estava prestes a se completar: o empurrão. A águia encheu-se de coragem.
Enquanto os filhotes não descobrirem suas asas não haverá propósito para a sua vida.
Enquanto eles não aprenderem a voar, não compreenderão o privilégio que é nascer águia.
O empurrão era o melhor presente que ela podia oferecer-lhes. Era seu supremo ato de amor.
Então, um a um, ela os precipitou para o abismo. E eles voaram !!!
Às vezes, nas nossas vidas, as circunstâncias nos empurram para o abismo.
E quem sabe não são elas, as próprias circunstâncias, q nos fazem descobrir q temos asas para voar.
 
Maria Tiradentes
Enviado por Maria Tiradentes em 17/11/2007
Código do texto: T741534
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Tiradentes
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1003 textos (86137 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 23:04)
Maria Tiradentes