Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Te dou meu ombro...

Quando chegar essa indesejada minha, tua, nossa. Quando essa dor danada, tentar sucumbir-te na noite tão cheia de sortilégios, e esse bichinho não parar de roer teus pensamentos... quando a dor for tamanha, e te der vontade de chorar, te empresto meu ombro... e choro contigo!
Lili Maia
Enviado por Lili Maia em 11/07/2005
Reeditado em 06/05/2010
Código do texto: T33133

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lili Maia
Curitiba - Paraná - Brasil
484 textos (66689 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:50)
Lili Maia