Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POESIA AO AMADO (07)

Queria te falar hoje, do volume possante desta paixão,
do quanto me sinto situada em teu universo.
Falar da força que caminha no coração,
que simplesmente, ousou declarar o amor em progresso.
Falar das noites em que me vejo, pensando em nós dois,
dos meus segredos tão ocultos entre silêncios,
do volver de minha alma a procura da tua,
da viagem que fiz para contemplar o teu firmamento
e do encontro do teu sol, com a minha lua.
Falar das flores,
que colhi no jardim da vida para te oferecer.
Das estrelas que enviei ao teu pensamento,
falar da melodia, cantada com tamanha ternura,
pela boca da brisa e das águas cantantes dos meus sentimentos.
Dizer que eu não existo, sem tua presença de mar,
que a minha alegria é a luz, que de você irradia,
que eu estou guardando o melhor de mim,
porque somente eu sei,
como compor a tua preciosa poesia!
 
Fim desta, C. Santos.
Akeza
Enviado por Akeza em 19/01/2006
Reeditado em 15/03/2015
Código do texto: T100708
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Akeza
Canavieiras - Bahia - Brasil, 55 anos
2367 textos (403171 leituras)
59 áudios (108004 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 06:56)
Akeza