Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Tempo e a Vida

A vida fez de conta que se perdeu do tempo
O tempo não acreditou na perda
A vida continuou a brincadeira de esconde-esconde
Pega-pega  e cabra-cega
O tempo continuou brincando de pegar a vida
E essa simplesmente pulou obstáculos
Cansou em certos momentos de correr do tempo
Levantou e seguiu em frente, desafiando os desafios
O tempo não desistiu
Veio o sol, a chuva, o frio, as flores
Veio o arco-íris, a tempestade cessou
A vida cresceu, embonecou
Ficou forte, madura e vivida
O tempo envelheceu
O tempo anda apressado só não corre mais
A vida escondeu-se e pegou o tempo
Ambos olharam-se, sorriram, deram as mãos
Suas faces maduras
O encanto de antes é o prazer de hoje
A correria das brincadeiras é
O prazer do aprendizado incessante
A vida beija o tempo
Que não sabe ficar parado
A vida sussurra ao vento
Vamos brincar de cansar o tempo?

 



Poetisa de Gaia
Enviado por Poetisa de Gaia em 19/03/2006
Reeditado em 16/12/2006
Código do texto: T125575

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Poetisa de Gaia
Salvador - Bahia - Brasil
238 textos (40114 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 10:06)
Poetisa de Gaia