Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A FALA DO AMOR

O gramático fala do amor
Dizendo-o substantivo masculino,
Palavra singular, paroxítona.

O químico fala do amor
Dizendo-o reações em compostos
Resultando outras substâncias.

O zoólogo fala do amor
Dizendo-o coito entre os animais
Que perpetua a espécie.

O botânico fala do amor
Dizendo-o a polinização da flor
Que gera o fruto e a semente.


O geógrafo fala do amor
Dizendo-o como a rotação do planeta
Em torno do sol.


O físico fala do amor
Dizendo-o como uma ação que
Corresponde a uma reação
De mesma intensidade e sentido contrário.


Poeta fala do amor
Dizendo-o a emoção que lhe dá
A inspiração para compor um poema.


Como o coração fala do amor?


Ele bate como louco
Descompassado ao ver o ser amado

Ele dói uma dor louca
Que faz secar a boca

Ele se agita
De uma maneira infinita

Ele fala do amor...
Quando dizemos:
_ Eu te amo!

E como resposta,
Ouvimos, do nosso bem:
_Eu também!
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 17/05/2006
Código do texto: T157478

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916741 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34110 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:26)
Denise Severgnini