Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEM MEDO DE SER FELIZ (04)

A flor
jamais se fere
com os seus próprios espinhos.
Nem eu vou
te cansar
com o meu excesso de amor,
a minha condição de ternura
e o meu toque preciso de carinho.

O que tenho
para te oferecer.
É infinito,
insondável...
e compreende em todos os sentidos,
o universo da Grande Harmonia.
Também pertence ao sol,
as estrelas,
para traduzir
a intensidade do céu
e a magnitude fundamental da alegria.

Entre oceanos de paz,
grita ao mundo
o quanto é capaz...
de percorrer caminhos de coração,
para expandir
o brilho, a beleza e a magia.
No amor
possui todas as possibilidades,
porque no fundamento
da felicidade,
a finalidade é: eternizar na alma,
a mais linda e livre: Poesia!
   
Fim desta, C. Santos.

Akeza
Enviado por Akeza em 13/07/2006
Reeditado em 17/06/2011
Código do texto: T192914
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Akeza
Canavieiras - Bahia - Brasil, 55 anos
2367 textos (403185 leituras)
59 áudios (108005 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:07)
Akeza