Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONETO

 


 


             S O N E T O
              Glácia Daibert
               
 
O amor é muito estranho, meu amigo...
Chega, trazido pela saudade
Pula uma janela, salta, invade
Tua solidão... onde te abrigas.
 
Fica te olhando como um vulto,
Numa atmosfera de desejos,
Beija tua boca... com teus beijos
E no teu sonhar, mantém-se oculto.
 
Quando tu suspiras fundamente
E no teu olhar há mais que um brilho,
Ele vem... te afaga docemente.
 
Penetrando no teu coração.
Deita no teu leito de ilusão,
E dorme no teu colo... como um filho.
            Março-2000
 
       
GLÁCIA DAIBERT
Enviado por GLÁCIA DAIBERT em 23/07/2006
Código do texto: T200117
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GLÁCIA DAIBERT
Uberlândia - Minas Gerais - Brasil, 63 anos
108 textos (25285 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:02)
GLÁCIA DAIBERT