Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Descobri que não sei amar

Descobri que não sei amar... Não da forma que a sociedade impõe e julga correto ...
O meu jeito de amor ou de amar é .... no mínimo além da realidade ....
Ele morre pouco a pouco e vive dia a dia !!!
Como aquela planta que as pessoas sabem que existe, mas esquecem de colocar água.
Ela esta plantada ali bem a sua frente, mas você passa e nem nota e quando percebe ela murchou esquecida, por quem a plantou.
Hoje sei que amo demais!!!
-  não sei amar de outra maneira.

Mas essa não é a forma de amar ????
Verdadeira

Só sei ser assim , como eu sou... Ora errando Ora acertando mas sempre buscando você dentro desses acertos e erros !!!

Dizem que para manter um amor há que lutar, subjugar, superar, dominar...
E eu não sei amar assim sei apenas demonstrar que penso em ti, de dia de noite, no banho, no trem, no transito no meu vai e vem diário... penso apenas 25 horas por dia , sete dias por semana e assim vai... esse é meu modo de amar .... e hoje descobri que não sei amar !!!!

Demonstro em emails, bilhetes/cartas, mas não valem de nada, pra você são meras palavras jogadas ao vento ... seus ovidos e olhos não querem mais saber do que sinto e o que eu sinto
 

Não peço mais do que te dou, mas sei que é pedir demais...

Não sei amar de outra maneira... ou será que sei amar !!!

E quando finalmente percebo, que o desengano se enganou,
Parto solitária, buscando a minha loucura, a minha paixão,

Solidão, sim ... talvez não ... to bem assim
Aprendendo a ser feliz na solidão do meu modo de amar de amor ...

Não busco outro amor que não o meu,
Feito de sentimento puro e nobre, minhas atitudes podem não ser tão sinceras mas meu amor ... ah querido nunca duvide disso ... será que não sei amar ... não sei... sei sim , sei que amo que é você que amo ... será !!!

Feito sorvete de chocolate

Dá-me o que te dou, ou que devo te dar , ou que não devo dar ... amor ???

Sei que te daria as estrelas, e porque não o universo?

Uma planta que nasce, dando frutos que ninguém aprecia, mais valia estar morta,do que florescendo noite e dia,

Ninguém a trata,Ninguém lhe dá agua ... mas não é ninguem que ela quer que a trate .. é você somente você ...

Esquecida, morrendo de desgosto, por tudo que errou, por tudo que lutou ... amo será que amo... não sei ...

Hoje descobri que não sei amar ... não da forma ou do jeito que você acha que é amar ...


Partindo para outro lugar, mundando o vaso de lugar para a chuva vir regar ... por você não esta regando a planta que plantou em meu coração : O amor que não sei amar !!!

Vem chuva Vem me curar porque somente para ele a flor brotará ...


Cyelle
Enviado por Cyelle em 24/08/2006
Código do texto: T224235
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cyelle
São Paulo - São Paulo - Brasil, 39 anos
20 textos (1410 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:09)
Cyelle