Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tu, que sempre esteve ao meu lado
Tu, que passa horas decifrando-me
Tu, que tenta meu pensamento adivinhar
Tu, que deseja meu caminho prevê!
E deduzir se vou caminhar firme ou achar outro caminho!

Neste agora, digo-lhe com carinho:
- Parto sozinha por esta estrada da vida!

Eu, muito te atormentei a alma,
Eu, muito julguei teu coração
Eu, hoje parto sozinha,
Nem sons ou ruídos quero lhe deixar como companhia,
Pois muito te feri, com minha alma de solidão!

Tu, nem desconfiou de meu olhar de magia
Tu, nem desconfiou de minha Bruxaria
Tu, nem escutou o som de meu feitiço
Nem desta importância às minhas palavras sedutoras
De hálito de cicuta!

Eu sigo Só!
Nosso caminho é diferente!

Eu, caminho na luz da Lua...
Tu, na luz do Sol!
Eu me alimento do sereno...
Tu, da brisa do dia!
Eu ando por uma estrada de chão batido...
Tu, já tens metade do teu asfaltado!

Por isso sigo só!
A fim de trabalhar na fé de ladrilhar minha estrada com pétalas de rosa...
Com a intenção, de quem por ela passar,
Não sangrar os pés como te fiz sangrar!

Mone TCarmo
Enviado por Mone TCarmo em 08/10/2006
Reeditado em 09/10/2006
Código do texto: T259645
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Direitos autorais à Simone Teixeira do Carmo) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mone TCarmo
Belém - Pará - Brasil, 37 anos
2862 textos (287293 leituras)
56 áudios (8739 audições)
4 e-livros (918 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:04)
Mone TCarmo