Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perdoe minha covardia

Perdoe-me, amor, perdão
Fui covarde, tive medo.
Medo de encarar a falta
que você faz na minha vida.

E por medo de te perder,
te fiz chorar, te fiz sofrer,
mas não deixei de te amar.

Quando dizia que não te queria,
mentia.
Quando dizia que não te desejava,
fingia.
Quando dizia que não te amava,
enlouquecia.

Quis partir, sumir no mundo.
Sumir até de mim mesma.
Andar, andar, andar
até não conhecer mais as pessoas, a paisagem.
Até não saber quem eu era,
mas tua imagem,
tuas palavras,
tua emoção me perseguiam.

Derrotada,
deixo de fugir
e me entrego em seus braços,
porque só neles posso existir.

Claudia Nunes da Silva
Enviado por Claudia Nunes da Silva em 28/10/2006
Código do texto: T275517

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Claudia Nunes Ribeiro - www.recantodasletras.com.br/autores/claudianunes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudia Nunes da Silva
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 48 anos
393 textos (131775 leituras)
9 áudios (5329 audições)
6 e-livros (3813 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:31)
Claudia Nunes da Silva