Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Esperança.

Esperança!.

Em você, em mim...
Nesta rua qual jamais voltei a passar.
Por algumas vezes e as escondidas.
Eu a vi na janela.

Faz tanto tempo que esta imagem.
Por mais que tente não mais a vejo na janela
E as vezes me assusto com esta presença.
Que apesar da ânsia causa transtorno..
Esperada sim mas perigosa.

Você sempre me deixou sem ação e sem forças.
Para tentar esquecer e que realmente não aconteceu
Aqui estamos hoje e com muitas saudades.

Mas as saudades foram sendo aos poucos
Substituídas pelo esperar do amanha.
Que se constrói com o tempo.
Nosso silêncio, nosso amor.
Pacientes, lutamos contra as adversidades.
Fomos em frente e nunca recuamos e hoje.
E o amor.

Nunca lamente uma ilusão perdida.
Pois não haveria fruto se a flor não caísse...

ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA
Enviado por ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA em 12/09/2007
Reeditado em 14/09/2007
Código do texto: T649637
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (elio candido de oliveira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA
Ibiá - Minas Gerais - Brasil
4102 textos (160061 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 10:20)
ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA