Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Agente morou e cresceu na mesma rua, como se fosse o sol e a lua, dividindo o mesmo céu e avia desabrochar ser desejada como uma jóia cobiçada o + lindo dos troféus, eu fui seu guardião eu fui sei anjo amigo mais não sabia quando comigo por ela carregava uma paixão, e eu aví se aconchegar em outros braços e sai contando os passos me sentindo tão sozinha,e no corpo o sabor amargo do ciúme agente quando não se assume, ficaram chorando sem carinho. O tempo passou e eu a sofrer calada não dei para tirar ele do pensamento eu ia dizer que esta apaixonada recebeu um convite do sei casamento com letras douradas num papel bonito, chorei de emoção quando acabei de ler, no cantinho rabiscado do verso ele disse: meu amor eu confesso estou casando + o grande amor da minha vida e você...

Maria Tiradentes
Enviado por Maria Tiradentes em 27/10/2007
Código do texto: T711783
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Tiradentes
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1003 textos (86136 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 19:01)
Maria Tiradentes