Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SENTIDA AUSÊNCIA!...

Todo dia ao deitar eu recordo emocionada,
A emoção que foi o dia do nosso encontro,
Nesse momento a saudade aperta e vem o tormento,
Da sua ausência sentida.

Fico na penumbra,
Com o peito apartado,
Choro num desespero,
Que faz doer minha alma.

Rolo na cama de um lado para o outro,
Entre os lençóis macios busco seu corpo,
Desesperadamente não acho me contorço,
Percebo triste o rosto banhado pelas lágrimas num assustador silêncio.

Num grito abafado,
Aos céus imploro,
Que me traga logo,
Esse homem pro meu lado,

Estou com medo dessa solidão
Não sabia como doía,
Sofro é uma danada agonia,
Ficar longe do seu dengo e daquela gostosa sensação.

Que só você sabia me levar,
Deixando em total embriagues,
Que somente você conheces,
Um tremor que me conduzias que só você conseguia acalmar.
ANA ISABEL
Enviado por ANA ISABEL em 14/11/2007
Reeditado em 14/11/2007
Código do texto: T737670

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ANA ISABEL
Sumaré - São Paulo - Brasil, 57 anos
711 textos (78060 leituras)
8 áudios (534 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 20:42)
ANA ISABEL