Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORAÇÃO DE VINIL

CORAÇÃO DE VINIL
Silvana Cervantes
 
Hoje passei a tarde ouvindo músicas,
olhinhos fechados, lembrando momentos,
palavras ditas no calor das horas,
sonhos guardados dentro da geladeira
pra nunca estragar...
Alcione falava em "Sufoco", lembrei tanta coisa
e ainda achei pouco!
"Segredos de liqüidificador"... Berrava Cazuza,
 e são tantos dentro do meu computador...
"As metades das laranjas, dois amantes, dois irmãos"...
Suspirava Fabinho Jr.
Imitando seus lábios, beijei minhas mãos...
"Eu quis dizer, você não quis escutar"... Começava Paralamas a cantar
lembrei momentos tristinhos, melhor de música mudar...
Preferi Simone: "Quando vê, o coração partiu em dois, chegou na hora certa, apaixonou"...
Engraçado, era CD todo tempo, mas nesta hora pensei:
_ Meu coração é de vinil, só pode ser...
É bem grande, quebra com facilidade, arranha, e de vez enquando a agulha enrosca numa só música e custa a sair...
Hehehehe...
Anos 80! Difícil esquecer!

20/11/07
Silvana Cervantes
Enviado por Silvana Cervantes em 20/11/2007
Código do texto: T745454
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Silvana Cervantes
São Paulo - São Paulo - Brasil, 51 anos
402 textos (36656 leituras)
5 áudios (2200 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 13:03)
Silvana Cervantes