Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Coletânea VI - AMOR AINDA ESTOU A LHE PROCUAR

AMOR AINDA ESTOU A LHE PROCUAR (duetos Elio)

Eu estou a buscá-la em todos
os lugares
As noites se vão e nada
de eu te encontrar
O desespero

Aqui estou a sua procura
Nos lugares mais pertos de você
Todos os dias e noites estarei aqui
Não se desespere

Você não aparece
estou cansado
De caminhar
Preciso de encontrá-la

Não desista de me procurar
Seus olhos não me encontram
Mas seu coração me vê
Preciso de você

Me desespero, você não vejo
Imagino como deves estar
Ameaças chover , onde??
Dê me um sinal

Feche os olhos, fique parado
A chuva não irá molhá-lo
Estou diante de você
Beije-me...
Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira

A paixão não deixa


Não importa quanto tempo leve para encontrar o amor.Você percebera e dele ira realizar todos os desejos. Amar é sublime viver dele é uma dádiva.

Aprendemos no tempo , aprendemos na vida, que é preciso amar, e muito mais saber revelar e conceder o perdão; E que a volta é a eternidade do amor e a eternidade dos sonhos.

Ilia Noronha & Elio Candido de Oliveira
Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira

A mulher como uma flor
A mulher como uma flor

Flor nascida da lagrima de uma mulher
Mulher desejada na base da razão
Um amor cultivado no coração
Desejos e paixão.

Os desejos que sinto, por você;
Você mulher que é tudo.
Que busto ainda trazer para junto de mim
Como a alegria que falta.

Alegria que me anima e vive
Mulher que sou amada por ti
Que me entrego de corpo
No teu corpo que anseio por tua espera
Sedenta de desejo violando os teus segredos

Cada instante, cada momento que vivemos.
Significa que é possível se amar.
Que há entrega de corpo e de alma.
Que nossas carnes se encontram
E que os orgasmos se seguem
E se segredos existem revelados estão.

Quando revelados nós nos encaixaremos
Como almas distintas
Você saciando uma vontade feroz
Eu alimentando o seu prazer

Há sintonias entre nós.
E você causa esta voracidade de desejos
Que me sacias com mesma voracidade
Que caminhamos a um futuro em paz.
E nossas almas se aplaudem e aplaudidas
Estão por nós...
Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira
Publicado no Recanto das Letras em 24/11/2007
Código do texto: T751255

A busca de uma solução

Fugir para um lugar sem fim
Um rumo a tomar
E essa dor se despedaçar
E outro amor procurar

Eu me preocupo. Fico a pensar
Onde está o rumo.
E ainda porque vamos nos despedaçar
Se há outros amores a quem temos o dever de procurar

Encontrar por caminhos tortuosos
Sem fronteiras dolorosas
Um abrigo para me acolher
Um ombro amigo escolher

Na vida como em tudo
Por todos os caminhos haverá.
Sempre pedras e espinhos
Onde temos que removê-los
Para no destino chegarmos
No abrigo e o amigo encontrar.

Talvez descubra o caminho a seguir
Na escuridão devo ir
Encontrar a luz do amor a me vigiar
E guiar-me na neblina dos meus dias

O caminho está descoberto é este
A clareza de sua alma ditará
A luz da imensidão do amigo a lhe vigiar
E da distância todas as neblinas retirar
Olhe para cima. Grite Deus Eu preciso...
Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira

que faríamos...

O que faríamos nós dois!
Se fossemos livres de tudo para pensar
O que seria das incoerências e transgressões
E dos amores não correspondidos.

Diria que amaríamos mais ainda
Que o mundo poderia ser mais belo
Não haveria guerra, fome e nem descriminação
O mundo poderia ser melhor

Quero olhar este mundo de forma tal
E, ainda tentar modificar a mentalidade
Dos jovens e também dos adultos
Para que o fim seja menos desastroso.

Eu te acompanharei nesta missão que planejas
Para fazer desses homens pensantes uma raça
Que vejam que estão fazendo com o mundo
Trazendo paz e amor para germinar

Destes homens pensantes que diz.
Eu quero não transformá-los
Quero deles a proposta de não passar
A seus descendentes a idéia errônea
Da destruição de nossas matas e fontes de água

Salve essa vida pequena de coração grande
Ame a nossa floresta e nossas águas
Porque ela é nossa fonte de vida
Salve o que ainda podemos salvar
Se demorarmos um dia tudo irá acabar.

O que faríamos.
SERIA UMA ALERTA.

Autores:
Ilia Noronha - Manaus – AM & Elio Candido de Oliveira Ibia – MG

Nossos corações ditou . Para que nossas almas reflitissem
E editamos o grito de alerta

ILIA MORENA E PAIXAO

Sempre quando venho penso.
Sempre quando vou continuo pensando.
Se volto você esta aqui na mente.
Tenho que acordar, vive você pois sonhei

Quando do amanhecer vou conferir RL
Lá esta você. Comentando dando o recado.
É tu que me acompanha.
E eu te persigo.

Minha alma solicita e reclama
Tua lembrança não é lembrança
É presença que faço e insisto
Para que não fiques ausente.

Ilia morena e paixão.
Estas em meu coração.
E muito mais na minha alma.
No meu ser . . . Em mim mesmo.
Ilia a paixão. . . Te adoro.
Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira

Tudo tem preço.


Minha vida!
Nesta vida, nos tempos
Minha esperança. No nada e no tudo.!
O preço da vida é ser leal a nós mesmos. (elio_)

Não se falo de valor
Ou se falo simplesmente de preços
Mas a felicidade sem tropeços
Se paga só com amor. ( Luiz. )

Tudo nesta vida tem preço
Pagamos pra sobreviver
Porém, o amor é gratuito
Para aquele que saber conviver. (Antonia_)

Nessa lealdade do amor maduro nos entregamos,
Num amor de verdade de grande luz,
Onde nossas vidas o preço da verdade é o que tem valor.
Acompanha-nos até a eternidade dos tempos.

Mas o importante mesmo
É o que não tem preço
É a luz, o silêncio e a Paz
É uma vida inteira cheia de Amor ( Zé )

Não poderá existir o fim.  Para nunca haver recomeço.
- Não  posso conhecer meu futuro, pois com certeza negilgenciaria meu presente.
-Cada dia que passa é um elo que nos desprende ainda meis da terra.
- A lua é como o amor. Que resiste a todos os sonetos e ilumina a  todos os pantanos.
- Para que um ideal não morra alguem tem que morrer por ele
- Cada ser humano é um mistério que jamais se renova.
- Saudade é o grito do coração e o silêncio da boca.
- Tudo esperamos e no entanto para nada estamos preparados.


Frases de amor. ( Autores do Recanto).

Frases de amor ( Autores do Recanto).

Coloquei todos os meus sonhos à teus pés, pise devagar porque é neles que estarás pisando! Imaculada Catarina


NÃO IMPORTA O TEMPO QUE PASSAR, AMAREI VOCÊ E PELA A ETERNIDADE VOU TE AMAR – Antonia

Com olhar de paixão invadiste meus sentidos. – Luasempreeheia

Estabelecer normas e muito mais as formas de estar com você ( Paixao) - elio Candido de oliveira.

Por anos te amei e viverei a te amar por mais anos ainda. (Ilia Noronha)
O amor invadiu meu coração e o fez transbordar de paixão. Rosita em 29/10/2007

Seremos amor e muito mais paixão.

Quero definir no amor a ti.
Os meios e os caminhos possíveis.
De ter a esperança de sermos eternizados.
Fugir com maestria dos problemas de nós.
Deixar que nossos corações falassem em vez de nós mesmos.

Nossos corações entregam a nossa paixão
Não permitindo que ninguém nos magoe
Quando seremos eternizados
Viveremos num paraíso só nosso
Amor! Sentir o que sinto por você
É viver toda a esperança

Nada perdemos meu amor o tempo
Tempo que juntos estamos
É um eterno prazer e muito prazer
A segurança da fala e da escrita

Nossas palavras dizem tudo
O amor brota nos nossos corações
Despejamos no papel com lágrimas
Marcamos nossos sentimentos
Somos amor e paixão.

Entre o amor e a paixão. Convido você vivamos os dois (pense nisso)

O mundo de nós dois

Nesse mundo vivemos com amor
Nele criamos e abusamos da vida
A alegria da esperança de encontrar
Uma paixão desconhecida
Esse é o mundo que criamos.

É o mundo da minha vida
Vida que misturo tua vida
Numa mistura alucinante
Com muita paixão.
No mundo de nos dois.

Assim criamos um minuto
Que leva há horas
Estar ao seu lado é uma vida
Amar é só o começo
O fim ainda não saberemos.

No mundo do amor é simples
Criamos nosso ser e nossos instantes
Que nos eleva ao mundo das emoções
E procuramos saciar nossos desejos.
E clarear nossas tensões.


Neste espaço cabe nós dois.

Estar ao lado! Lado de alguém. Você?
E sempre se sentir no além.
Tendo em mim a alegria de viver
Provar a mim mesmo que junto a ti.
Eu mudaria o mundo.

Coragem você tem para mudar o mundo
Pelo amor que sente por mim
Ao seu lado é pura magia e alegria
Te amar é um sonho desejado

Mas quero ainda neste espaço
Que tua presença seja constante
E que a todo o momento sejas coerente.
Ainda que as amizades sejam nossos laços.

Sempre estarei ao seu lado
Mesmo que o dia torna-se noite
Estamos juntos de braços dados
Acorrentados pelo sentimento amor

E que não haja dor e nem saudade.
Que nossos corações batam em compassos.
Em sintonias de amor e da paixão
Que não perdemos a razão
E tenhamos muita tesão.

Nossos corações unidos
Num ritmo de canção feliz
Jamais perderemos o compasso
Sou feliz por estar em seus braços
Amor minha verdadeira paixão.

PORQUE FORÇA E LUZ

.
PORQUE FORÇA E LUZ

O porquê de estar sempre a procurar.
Força e conseqüentemente e a luz
A força impulsiona a vida e os bens
A luz nos ilumina e a existência

A força o equilíbrio da vida
Esperança contida num espaço
Onde a luz renasce livrando da escuridão
A continuidade do amor

Força e luz
sempre dentro da gente
para pô-lo em ação se deve
unir coração e mente
E é a força do Amor
que faz ver

E é a força do Amor
que faz ver o meu para além
e sentir que mesmo na escuridão
a minha luz é feita de muita fé e de muito Amor

Porque a força é o amor que em nós existe
A luz é o brilho no olhar, mesmo que tristes;
Espelha as estrelas, onde o coração coexiste
Levando a força do viver, os males banistes
Poesia a 10 mãos:
ELIO, NAVEGANTE, LIA, ZÉDEZÉ E KYRIADALUA

Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira


Meu coração à tua espera

Meu coração por ti espera
Anseia a sua volta. Mas triste esta
Bate em sintonia numa canção de ninar
Às vezes felizes outras a gritar
Amar você é a forma de viver

Quantas e quantas noite procurei.
A que estivesses aqui também.
Aquela musica. A musica de nós.
Você se lembra? Faz tanto tempo
Faz-me tremer. Tremer na emoção.
Por isso espero. Breve estar com você.

Essa distância que nos mantêm unidos
Um amor quase sofrido e dolorido
Mas que fortalece dia pós dia
Meu coração te chama
E clama numa angustia que me fortalece
Espero-te com ansiedade amor.

Sei que por muitas vezes transtornos nos causa
Mas nada que nosso amor intenso não supere
Com a ajuda dos sentimentos muitos.
Vamos suportando e gravando ainda mais.
O amor e rebatendo a saudade
E da paixão somos merecedores.

Coração supera a todos os sofrimentos. Coração magoado fica, mas coração esta sempre a espera.

Eu quero você perto de mim

Situar-me neste dia e neste instante a presença
De uma quase loucura de não estar com você.
Caminho nesta rua não vejo, muitas vezes nem a mim
No abandono de mim mesmo. Choro!

As tuas lágrimas são minhas lágrimas
Se você chora eu morro de tristeza
Na solidão estou a caminhar
Mas você é minha sombra

Não existe solidão, pois não estou só
Você esta comigo, e bastante presente.
Preso estamos nos caminhos do amor
Eterno e construindo a saudade

Sempre estarei contigo
Onde quer que esteja
Acorrentados nossos corações estão
Saudades é o nosso conforto

Estamos encaminhados pela ordem natural.
Em qual devemos obedecê-la e muito mais suportar
Mas não basta ser presente e até ausente.
Eu quero você bem perto de mim...

A presença de nós, a presença de nossas almas é o fogo que atiça nosso amor.

Você meu desejo maior

Um amor assim que busco é loucura,
Expandi e altera os sentidos.
Faz tudo girar. A cabeça faz giros.
A esperança aumenta e provoca tentação

Amores assim são loucos
Deixam-nos a perigo
Mas essa adrenalina nos inspira
Uma loucura maior ainda.

Esta sempre a encher um espaço
Que abre em nossa mente e coração
Mas o corpo clama ação e magia
Em se dizendo clama a paixão.

Paixão que nos envolve
E tira um pedacinho da gente
Para acomodar no espaço arrancado
Um amor quente...

Deste corpo que anseio.
Que me diz paixão
Eu vou acomodar você
No meu peito no meu coração.
E dizer. Você é meu desejo maior
Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira


RESERVEI ESTE LUGAR A VOCÊ

RESERVEI ESTE LUGAR A VOCÊ!

Teu lugar na verdade, é o lugar determinado na luz e nas existencias anteriores, coisas que a nossa vã sabedoria ainda não consegue explicar.
É preciso então entender que nos desiginios da concessão de nossas vidas, procuremos ensinamentos.
Entender, que a nós no desenrolar de nossas vidas, estão imputados: tropeços, impecilhos, incompreensões, guerras pessoais, guerras internas, com familiares, suportemos as intolerâncias a caminho da melhora, nesta existencia terrestre e pós-vida.
Acontecimentos inesperados, para nós, pois lá do alto, do além estao programados, a nos distanciar e nos afastar, partirmos para novos emprendimentos pessoais e no caminho da vida, mesmo assim estamos ligados e amarrados e atrelados pelos laços eternos da simpatia espiritual..
A disciplina, nas dificuldades, nas coisas, e ainda longe delas, entenda-se que entre nós os LAÇOS SANGUINEOS só existiram para tornar nossos espiritos que são simpaticos ficarem ligados sempre e em perfeita e as vezes desordenada harmonia, e isto nos leva a entender ou a pensar... ao amor eterno " Amor talvez além e antes da vida carnal.."
Não falemos em laços espirituais e laços eternos pois no mundo matemático, ciencias exatas de nossas vidas, e nos nossos afazeres da vida, seria uma explicação ilógica, e com certeza teriamos pouco sucesso ao divulgar esta ideia.. O seu lugar está reservado junto a mim.. Talvez em existencias anteriores,nesta existencia e a posteriori

A alma ditou! O que o coração sentiu
E a você que sabes que é voce.
A mensagem.
Ilia Noronha e Elio Candido de Oliveira

Amor que marca

Autores:
Ilia Noronha - Manaus – AM & Elio Candido de Oliveira - Ibia – MG

Duetos não! Nossos corações e almas pensam e raciocinam juntos e escrevemos nossos poemas

É um amor sem fim. Um amor mais que fraterno.
Mas que se confunde um pouco. E terno.
Às vezes sou surpreendido. De longe sinto saudades
É como um ser que transmite muito amor.

Amores são assim. Vem e vão deixando marcas
Saudades chegam e complicam o coração
Por que essa distancia tão impiedosa?
Amar-te será um segredo que não tem volta.

Mas é deste amor que precisamos.
Os que deixam em nós o prazer de estar juntos
Mesmo sabendo ser uma fraternidade
Mas mesmo assim maltrata e dá saudade.

Os nossos corações nos guiaram
E essa saudade um dia vai acabar
E o nosso amor será eterno
Ate quando o mundo nos unirá.

O coração dita. Para que a alma reflita.
O lápis rascunha o computador edita.
E eu ou nós publicamos... Palavras e ou...
 
Como fazes bem ter você


Autores:

Ilia Noronha - Manaus – AM & Elio Candido de Oliveira Ibia – MG

Duetos não! Nossos corações e almas pensam e raciocinam juntos e escrevemos nossos poemas


Só você! Que sabe como fazer. E faz com jeitinho.
Um jeitinho carinhoso. Que deixa a ver a amplitude.
Dos sabores que a vida tem.
Que a vida malandramente deve ser vivida.
Pois só assim. Eu e você mostramos as nossas verdadeiras capacidades.
Estamos a divulgar o amor. Que trazemos em nossos corações.

Só você com esse jeito que me conquista
Que me fascina e me alegra
Tantos sabores a vida nos deu
E vivemos intensamente essa vida
Que nos dá coragem para dizer ao mundo
Um amor que só a nos pertence. Unidos pelo coração

Este corpo que faz este corpo que irradia felicidades
E ao mesmo tempo a bondade.
Que a mim trouxe a dádiva do bem viver
Intensidade com carinho, intenso em paixões
Que permite a nós a divulgar o que se sente.
Amor que a nós pertence sim. Mas um dia dividiremos.

Essa sua alma que irradia luz
Um ser pensante de amor e paixão
Com você me sinto nas nuvens, no céu azul da vida
Me trás a paz e a alegria que sempre esperava
E para a vida nós nos dedicaremos um amor em poesia
Palavras escritas é o nosso dom, o nosso amor pela arte.

O coração dita. Para que a alma reflita.
O lápis rascunha o computador edita.
E eu ou nós publicamos... Palavras e ou...

Autores:
Ilia Noronha - Manaus – AM & Elio Candido de Oliveira Ibia – MG

Duetos não! Nossos corações e almas pensam e raciocinam juntos e escrevemos nossos poemas


Este amor que posso considerar louco.
Que se iniciou na infância.
Quando caminhávamos a escola
Ai começou a se caracterizar o amor.

Um amor simples e verdadeiro
Louco nas suas implicações
Sã de natureza própria
Na infância nos amávamos
Na adolescência somos eternos

Numa verdade que não acreditávamos.
Sem tomar conta e nem saber das proporções.
A natureza e nós mesmos fazíamos o ir em frente
Na realidade um amor.
E quando na adolescência amantes da vida
E muito mais amantes do amor.

Agora adultos nos tornamos
Mas esse amor cresce a cada instante
E quero que cresça ainda mais. Sem fronteiras
Continuar te amando é um milagre da vida
Por saber que me amas e eternos seremos.

O que não sabíamos. É que a cada palavra!
Proferida na infância. Formávamos a realidade.
Uma sementinha que plantávamos nos corações
E com uma fertilidade espantosa.
Que germinou e nos trouxe até aqui.

Hoje nos amamos. Amanhã um segredo
Mas o minuto que passa minha vida pertence a ti
Na infância um amor puro. Agora um amor adulto
O que mais poderíamos ter... É viver a cada instante
Bem pertinho de você. Te amo!


O coração dita. Para que a alma reflita.
O lápis rascunha o computador edita.
E eu ou nós publicamos... Palavras e ou...

Ilia Noronha
Enviado por Ilia Noronha em 01/12/2007
Código do texto: T760055

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ilia Noronha César Neta). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ilia Noronha
Manaus - Amazonas - Brasil, 34 anos
609 textos (49744 leituras)
7 e-livros (3259 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 09:19)
Ilia Noronha