Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEIS ROSAS BRANCAS E SEIS ROSAS VERMELHAS.

CHEGA, UM HOMEM JÁ COM OS PASSOS CALMOS E LERDOS COM O PESO DA IDADE, CHEGA NA FLORICULTURA, PEDE PARA A MOÇA:
-MINHA JOVEM, QUERO SEIS ROSAS BRANCAS, E SEIS ROSAS VERMELHAS. BEM LINDAS.
FOI OLHANDO ELA FAZER AQUELE BUQUÊ. ELA CURIOSA.
- QUE PRESENTÃO.
RESPONDEU, ELE:
-CINQUENTA ANOS DE CASADO, BODAS DE OURO.
RESPONDEU ELA.
-QUE SHOWWWWWWWWWWWWW
ONDE É PARA ENTREGAR, NA SUA RESIDÊNCIA?
RESPONDEU ELE:
-NÃO, NO INSTITUTO SANTA LUZIA, NA AVENIDA CAVALHADA.
ELA, ASSUSTADA! MAS LÁ SÓ TEM CEGOS, COMO ELA VAI VER ESSAS ROSAS LINDAS.
DISSE ELE:
-FAZEM QUINZE ANOS QUE ELA FICOU CEGA, MAS ELA SABE QUANDO
RECEBER AS FLORES QUE CORES SÃO, PORQUÊ SEMPRE DEI A ELA UMA DÚZIA DE ROSAS SEIS BRANCAS E SEIS VERMELHAS. ELA ESTA CEGA MAS SABE QUE CORES SÃO AS MINHAS ROSAS, QUE DAREI A ELA,DISSE ELE
-MINHA JOVEM O AMOR É ASSIM, MESMO, A PESSOA FICANDO CEGA, EXISTE O AMOR, FAZ A PESSOA VER O QUE NÃO PODE. O AMOR É MAIS FORTE DO QUE TUDO.
PAGOU AS ROSAS, OLHOU PARA O ROSTO DA MOÇA, CORRERAM DUAS LÁGRIMAS DA JOVEM.
DISSE ELE.
-QUE DEUS LHE DÊ A SORTE E O AMOR QUE EU TENHO.
SAIU ELE COM OS SEUS PASSOS LERDOS DA FLORICULTURA.FOI AO ENCONTRO DO SEU AMOR.
Milton Nunes Fillho
Enviado por Milton Nunes Fillho em 12/01/2006
Reeditado em 22/03/2014
Código do texto: T97865
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Milton Nunes Fillho
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
1141 textos (460558 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 13:17)
Milton Nunes Fillho