Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
CIRANDANDO COMO CRIANÇA




Como na saudosa infância vamos cirandando
como crianças alegres na memória viajando
Quero entrar nessa roda pular e pular
de levinho, atirar um pau no gato até ele miar
entrar nessa canoa e pouco importa se virar
nas cálidas águas desse lago quero mergulhar
Também uma visita na capelinha de melão
oferecer um cravo e uma rosa ao nosso Senhor
pedir a ele um namorado que me peça a mão
que entre na cirandinha e seja o meu penhor
Osquindô lê, osquindô, lê lê lá
nessa roda não quero saber de tra lá lá
com meu amor vou atrás daquele morro lá
pézinho com pézinho, deixando tudo para lá
No alto, a lua, brilhante como convidando
venham todos brincar, soltando a emoção
passar a linda noite a dançando e cirandando
voltar a ser criança, chave que abre o coração
Nessa roda, o cravo não briga com a rosa
oferece lindos versos em forma de prosa...


*****************


Ciranda: "Roda Ciranda Roda" 
promovido pelo site:
http://www.amoremversoeprosa.com/
para ler outros autores, visite o site e deixe seu recado.
Sueli do Espirito Santo
Enviado por Sueli do Espirito Santo em 03/08/2005
Reeditado em 14/03/2014
Código do texto: T40090
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sueli do Espirito Santo
Santo André - São Paulo - Brasil, 65 anos
1456 textos (234536 leituras)
1 e-livros (109 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:28)
Sueli do Espirito Santo